Blog

8 estações de ski na Ásia e seus “tesouros escondidos”

resorts de ski asiáticos

Quando falamos em esporte de neve, no momento atual os holofotes estão voltados para a Ásia. Isso devido ao fato dos Jogos Olímpicos de Inverno terem “desembarcado” para uma longa estadia por lá, em PyeongChang 2018 e Pequim 2022.  E os efeitos são diversos!

Com os Jogos em solo asiático, um grande boom de investimento trouxe os olhares para esse continente, que surge como grande oportunidade. Grandes, novos e tecnológicos resorts foram inaugurados, ou mesmo antigas estações de ski foram reformadas, com preços atrativos a fim de aumentar a competição da região em relação às tradicionais estações de ski de outros continentes, além deamplificar o turismo de neve local.

Algo que atrai é a proximidade das estações a grandes cidades, o que facilita para os turistas a visita, nem que seja apenas em um dia. É evidente, o desenvolvimento do ski na Ásia progride, com opções em diversos países, como Japão, Coréia do Sul, China e Índia. Conheça agora alguns dos atrativos de 8 das estações de ski mais famosas asiáticas:

 

Alpensia Resort, PyeongChang na Coréia do Sul

Localizado na cidade sede dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2018, tem um terreno de 4,9km², com uma de pista Ski Cross Country e uma de Biathlon, além de duas torres de salto com padrão internacional. Uma dessas torres, inclusive, já foi usada para filmagens de algumas produções cinematográficas e televisivas.

Apesar de ser pequeno em termos de terreno e número de pistas, Alpensia conta com algumas boas opções de hotéis ski in/out como o Holliday Inn Resort e o Hotel Intercontinental, além de possibilitar o ski noturno quase todos os dias do inverno. O Resort está também a apenas 10 minutos de Yongpyong.

Perto do parque nacional de Odaesan e do Samyang Ranch, existem também ótimas vistas do Daegwallyeong e de uma das torres do Ski Jumping. Tudo isso com fácil acesso do aeroporto internacional de Seoul-Incheon devido ao novo trem de alta velocidade, o KTX, inaugurado para os Jogos.

É um ótimo lugar para que os iniciantes e intermediários possam praticar, com a possibilidade de alugar roupas e equipamentos. Outro entretenimento do resort é o parque aquático, Ocean 700, cuja maior parte das atrações é indoor, possibilitando o uso no inverno.

 

Yongpyong, Gangwon-do na Coréia do Sul

Considerado um dos melhores e maiores do país, existe desde 1975, com 28 pistas, 13 teleféricos e uma Gondola. As mais famosas pistas são três: Rainbow, Gold e Mega Green. É um lugar perfeito para que esquiadores e riders de todos os níveis, desde iniciantes até experientes, possam aproveitar ao máximo.

O resort é sede das provas técnicas do Ski Alpino nos Jogos de 2018. A pista Rainbow One foi o palco do Slalom Gigante e Slalom, masculino e feminino, uma das provas mais desafiadoras do evento.

Além de boas pistas, o resort possui um parque aquático que utiliza fontes termais. Isso sem falar nas diferentes opções de lazer como karaokês, bilhar, boliche, jogos de árcade, e um simulador de Golf.

Como o público do resort é de maioria sul-coreana, muitos dos restaurantes e bares oferecem comidas e bebidas locais, o que é ótimo para poder conhecer mais sobre a cultura local. Por exemplo, em vez de ir para uma balada a maioria das pessoas vão para uma noite de Karaokê.

 
Niseko, Hokkaido no Japão

Niseko é um dos resorts em que mais neva no mundo por causa das tempestades que vêm da Sibéria, tendo uma média de 14 metros de neve ao ano. Eles possuem quatro estações de esqui conectadas, onde um Lift Ticket único permite aproveita-las. Niseko está localizado no Norte do Japão, na Ilha de Hokkaido.         

O acesso é fácil a partir do Trem JR que sai das cidades Sapporo, Otaru, Hakodate e do Aeroporto de New Chitose. Outra opção é pegar um ônibus de Sapporo ou do Aeroporto de New Chitose.

A vila principal é Hirafu, que possui opções de acomodações excelentes, com restaurantes japoneses e ocidentais maravilhosos. A região apresenta também dois parques de diversão, cursos de snowmobiling, instalações para massagem, Heli Skiing, Snow Shoeing, Cat Sking, e os famosos Onsens que o Japão tem.

A vida noturna em Niseko é bem agitada comparada com a maioria das estações de esqui no Japão e na Ásia. Eles oferecem no resort o esqui noturno, no qual os visitantes podem ter a experiência de esquiar à noite. Apesar de famoso pelas noitadas, o resort possui atrativos para toda família.

 

Gulmarg, Kashmir na Índia

Localizada no norte da Índia, perto do Himalaia, é considerada uma das estações mais exóticas e selvagens do mundo, perfeita para aventureiros, que adoram admirar a vida selvagem, incluindo a possibilidade – ainda que remota – de ver leopardos da neve nas encostas de Gulmarg.

Essa estação de esqui possui o teleférico mais alto do mundo, o Gulmarg Gondola, com uma altura de 3.980m acima do nível do mar. No topo da estação, esquiadores têm como pano de fundo o nono pico mais alto do mundo, o Nanga Parbat. Nessa região existe uma real possibilidade de avalanche, assim é preciso ter os equipamentos certos e um ótimo guia para desbravar as encostas. Como é possível notar, este é o lugar perfeito para esquiadores avançados e que procuram muita adrenalina e aventura.

Por ser uma das estações mais exóticas, não estamos tratando do lugar mais luxuoso do mundo. O Khyber Himalayan Resort & Spa, é uma ótima opção para se hospedar e junto com o Hotel Highlands Park, garantem certo conforto.

Por se tratar da Índia é óbvio que você irá encontrar ótimos chás e pratos com os típicos temperos como o curry e as pimentas de kashimir.

Gulmarg está a 56km da cidade de Srinagar, sendo possível ir de táxi do aeroporto da cidade para a estação de esqui.

 

Alshan Alpine Ski Resort, Mongólia na China

Sendo uma estação onde se neva quase diariamente, é garantido que você sempre encontrará pistas com muita neve. Tanta neve que uma grande parte do resort é usada pela delegação chinesa de esqui.

Apesar de grande parte ser destinada aos atletas chineses, esse resort possui pistas para Ski Alpino e Ski Cross Country de 10km em uma região de 5.5 km quadrados.

Alshan é considerado um lugar remoto, perfeito para sair da loucura das grandes cidades chinesas, onde você se depara com uma grande quantidade de florestas primitivas da região. É possível chegar de ônibus ou trem do aeroporto de Ulanhot.

O resort oferece muitas atividades além de ski e snowboard como bares e restaurantes. Em dezembro, eles têm o Festival Ice & Snow, realizado no interior da Mongólia, que conta com atividades e competições no gelo. O inverno por lá é longo. É possível esquiar ou andar de snowboard em boas condições entre novembro e abril.

 

Yabuli Ski Resort, Heilongjiang na China

Considerado o maior resort de neve da China, possui encostas que chegam a quase 30km, com uma estrutura completa. Possui 18 pistas de diferentes níveis, acolhendo esquiadores e snowboarders de todos os níveis, em um belo cenário de montanhas cobertas por pinheiros.

É a casa do primeiro Club Med na China e está perto da cidade de Harbin, que é famosa por possuir diversas esculturas de gelos. Em janeiro é realizado o festival de escultura de gelo em Harbin, o Winter Wonderland Ice Sculpture Festival.

O Resort possui preços atrativos, com as mais longas trilhas de esqui na Ásia. Também disponibiliza ótimos restaurantes, alguns deles foram abertos por fazendeiros que residem na região, sendo assim possível experimentar a gastronomia local.

O jeito mais fácil de chegar ao resort é pela cidade de Harbin, de onde você pode pegar um trem ou ônibus para a estação.

 

 

Rusutsu Ski Resort, Hokkaido no Japão

Como o Niseko, Rusutsu também se encontra no norte do Japão, a 40 minutos de Niseko e possui uma neve com qualidade incrível. Com estrutura moderna em seus teleféricos, possui 37 pistas, em sua maioria para iniciantes e intermediários. Diferente de Niseko, essa estação é mais voltada para as famílias.

Com ótimas opções para comer e se hospedar, oferece diferentes tipos de atividades além do ski e do snowboard, como equitação, passeio de trenós puxado por cães, pesca no gelo, e snowmobiling. Eles disponibilizam para seus visitantes aulas particulares ou em grupo para aprender a andar de ski ou snowboard. Também oferecem aluguel de roupas e equipamentos no local.

Além das atividades outdoor, o resort possui uma infraestrutura para a prática esportiva em lugares fechados, como escalada e academia, aulas de artesanato, aula para aprender a fazer sorvete, queijo e balas.

E é claro que o resort também conta com as famosas Onsens, que são os banhos em termas quentes. O acesso é fácil a partir de Sapporo.

 

Appi Kogen, Tohoku no Japão

Considerado um dos melhores resorts de esqui no Japão, está situado no Parque Nacional de Towada-Hachimantai, com 21 pistas, dando opções para todos os níveis de esquiadores e snowboarders, desde iniciantes até os mais experientes.

Eles oferecem aulas e aluguel de roupas e equipamentos no local, o que é ótimo para quem vai tentar pela primeira vez. Além de esquiar os visitantes também podem fazer Cat Skiing, Snowmobiling, Snowshoeing e os famosos Onsens.

Para as crianças, as opções são o Parque de inverno, Winter Kids Park, onde as crianças podem brincar na neve, aprender a esquiar e andar de snowboard, entre outras atividades. O resort possui diferentes restaurantes com as mais variadas comidas japonesas, além de restaurantes de gastronomia chinesa e coreana.

Para chegar nesse resort é necessário pegar um trem de Tóquio para Morioka. Da estação de Morioka outro trem para Appi Kogen, e da estação de Appi Kogen transporte gratuito para o resort.

 

Confederação Filiada ao:

Comitê Parceiro:

Apoio Técnico:

Apoio:

Confederação Brasileira de Desportos na Neve

Rua Pequetita, 145 - 1º andar - cj. 14 - 04552-060 São Paulo - SP - Brasil

Telefone: +55 (11) 3018 8011 - Fax: +55 (11) 3018 8015

X